A Maldição dos Wolf - 14º Capítulo

                           
                                              
                   14° Capitulo:
Dimitri deu um rosnado excitado e se sentou sobre mim não demorando em tirar a própria camisa. Eu até pensei em dizer alguma coisa, mas ele não parecia interessado em palavras e sim em rasgar roupas. E como se tivesse lido meus pensamentos, foi exatamente isso o que ele fez. Suas mãos agilmente rasgaram minha blusa aos pedaços como se fosse um pedaço de pano velho e meu sutiã ( tadinho) nem mesmo ele escapou e meus seios acabaram saltando para fora. Dimitri colou os olhos neles e senti vontade de tampa-los com minhas mãos de tanta vergonha, mas antes que houvesse uma oportunidade dessas, Dimitri segurou minhas duas mãos com a sua sobre minha cabeça e com a outra ele começou a acariciar um seio. Sua mão estava quente assim como o resto do seu corpo
. Éramos como gelo e fogo. Eu não saberia dizer a ninguém o que poderia ser mais quente e delicioso como aquele homem.

     Primeiro ele passou a ponta do dedão sobre a ponta rosada e depois que ele conseguiu a resposta do meu corpo, ele levou-o a sua boca, sugando agilmente e passando a língua em círculos. Sem dó nem piedade, tudo que ele tinha era agora, era fome e necessidade .

      Depois de quase me fazer revirar os olhos de excitação, ele decidiu dar atenção ao outro seio, repetindo os mesmos movimentos me fazendo me sentir mais ansiada e necessitada a cada toque. Quando achei que podia ficar louca Dimitri me soltou pra se livrar dos restos de minhas roupas. Rasgando-as como as primeiras peças. Ele ainda não tinha se livrado de suas calças. Ou seja lá o que era aquilo, já que naquele tempo não existia cuecas boxer.

     Ele traçou um caminho de beijos e chupões a partir dos meus seios até a minha virilha e abriu minhas pernas sem pudor e me olhou cheio de desejo. Nesse momento ele abaixou sua cabeça entre minhas pernas e passou a ponta de sua língua em minha fenda. Sua língua estava febril assim como o resto dele e eu arqueava meu corpo a cada toque de sua língua. A besta de The Wolf’s Hell estava faminta e parecia longe de querer parar. Eu não queria que ele parasse.

     Sem me conter segurei algumas mechas de seus cabelos com as pontas dos dedos e arqueei meu corpo mexendo minha cintura de encontro com sua boca. Num movimento rápido Dimitri abriu uns botões de sua calça e liberou seu membro enquanto sua língua ainda me descontrolava. Não deu tempo nem de dar um gemido a mais quando Dimitri entrou em mim com seu membro totalmente grosso e ereto. Eu estava sentindo uma mescla de dor e prazer. Ele era grande demais para mim, eu me sentia como se estivesse sendo esticada para acomodá-lo, mas não me importava, por que estava me sentindo totalmente preenchida por ele em vários aspectos.

  Nossos corpos unidos, o calor , o peso do seu corpo sobre o meu . Tudo parecia certo pela primeira vez na minha vida. Pela primeira vez eu sentia que algo estava acontecendo como realmente deveria acontecer. Eu ainda não sabia o que sentia ao certo pelo Dimitri, mas uma coisa eu tinha certeza. Eu não conseguia me imaginar sem ele.


     Eu gemi e agarrei minhas pernas em volta de sua cintura e me mexi fazendo com que nossas partes se encontrassem e encontramos nosso ritmo. Rápido, forte, necessitado. Estávamos suados, mas nada no mundo nos faria parar naquele momento. 

   Não enquanto nós não estivéssemos satisfeitos. 

   A cada estocada de Dimitri meu prazer aumentava assim como meus gemidos. Eu não queria machuca-lo mas não conseguia controlar meu próprio corpo e acabei agarrando a pele de suas costas com minhas unhas quando aquilo chegou. O corpo dele seguiu o mesmo ritmo que o meu e Dimitri uivou quando nossos corpos tremeram e chegamos ao clímax. Estávamos suados e esgotados e não sabia se isso bastaria para a Besta que havia dentro de Dimitri. Somente quando ele ergueu a cabeça e seus olhos encontraram os meus que vi que seus olhos voltaram para a cor comum e ele havia voltado ao normal. Seu corpo estava tão esgotado quanto o meu, pois ele apoiou sua cabeça em meu seio sem dizer uma palavra e dormiu. Ainda com suas calças e seu membro dentro de mim.




Espero que tenham gostado por que nunca escrevi nada, nadinha hot. Qualquer coisa me falem, me deem dicas por que sou inexperiente nestas coisas. bjus

10 comentários:

  1. Vc voltou!! Estou tão animada! e Essa sena perfeita linda !!! parabens.

    ResponderExcluir
  2. Por favor não demore muito para posta o próximo capítulo tô louca pra saber o que vai acontecer!

    ResponderExcluir
  3. Oi linda!
    Eu não li pq estou alguns muitos capítulos atrasada hahahaa to no trabalho e tá dificil, mas vou ler com calma e comentar direitinho♥
    Se gosta de contos eu postei uma proposta literária no blog, se quiser participar é mais que bem vinda!
    Bjus bjus!
    Pan
    Pan's Mind - Proposta Literária! - Aqui o roteiro é seu!

    ResponderExcluir
  4. lindo lindo lindo e que venha muito mais!

    ResponderExcluir
  5. vc esta ficando muito safadinha mocinha... haha

    ResponderExcluir
  6. adorei ! se eu nao estivesse em uma fase dark, até que eu ajudaria vc com essas partes

    ResponderExcluir
  7. Vc arrasou ! amei.
    eu queria saber se posso ajudar com contos tambem...

    ResponderExcluir

* . Comente aqui o que você achou da postagem , se gostar vire seguidor do blog. * sua presença é muito importante.